Uncategorized

Todo dia uma mentira do Grupo Gay da Bahia #56 a #64

Muito tempo sem falar dos casos do GRUPO GAY DA BAHIA.

É por falta de tempo minha, não por falta de disposição do GRUPO GAY DA BAHIA em mentir sobre assassinatos (ou mesmo mortes por causas naturais) de homossexuais (ou mesmo de não homossexuais) no Brasil (ou mesmo fora dele) a fim de construir as alarmistas (e fraudulentas) estatísticas de mortes motivadas por homofobia no Brasil.

Vamos tirar parte do atraso. Veja abaixo 9 dos 337 casos que o GRUPO GAY DA BAHIA vem divulgando como sendo exemplos de mortes motivadas por homofobia no Brasil em 2018.

Dos demais casos: 75 são suicídios,  1 trata-se de morte por overdose na Itália, há também mortes por causas naturais ou acidentes de trânsito: todos listados como mortes motivadas por homofobia pela principal ONG do movimento LGBT brasileiro.

#56 Homem não identificado

Homossexual morto a facadas em sua própria casa, o noticiário não indica suspeita de autoria e menos ainda de motivação pela polícia. Crime sem testemunhas. Familiares relataram que o sujeito era homossexual e brigava muito com o namorado.

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, 337º caso de “crime homofóbico” no país em 2018.

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/10/23/337-nao-identificado-50-anos/

https://g1.globo.com/mg/triangulo-mineiro/noticia/2018/10/23/filho-encontra-pai-morto-com-sinais-de-violencia-dentro-de-casa-em-uberlandia.ghtml

#57 Robertha Welmont MoraesWILIAN RANGEL DORNELES MORAES

A polícia não solucionou o crime e trabalha com a hipótese de o assassinato ter sido cometido pelo amante da vítima. O Grupo Gay da Bahia não esperou o desfecho das investigações e já classificou o caso como sendo o 334º caso de crime homofóbico no Brasil em 2018.

http://www.andrealmenara.com.br/noticia/ler/travesti-assassinada-e-identificada-no-iml

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/10/22/334-robertha-w-moraes-trab-sexo-d-h/

#58 Rodrigo Félix da Silva (Lorrane)

RODRIGO FÉLIX DA SILVA

Trechos de matérias jornalísticas sobre o caso:

“De acordo com a polícia, no local, ninguém soube fornecer detalhes de como tudo aconteceu. Populares se limitaram a dizer apenas que viram dois jovens com armas de fogo em punho e a pé nas imediações do local onde o homicídio foi registrado. Buscas foram feitas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado.”

“Lorrane havia deixado o presídio há cerca de um mês. Antes disso, a mesma estava presa acusada por tráfico de drogas e associação ao tráfico.”

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, 322º caso de “crime homofóbico” no país em 2018.

https://alagoasalerta.com.br/noticias/policia/travesti-e-morta-a-tiros-no-interior-de-alagoas

https://www.cadaminuto.com.br/noticia/327953/2018/10/13/travesti-e-assassinada-a-tiros-em-porto-real-do-colegio

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/10/12/322-lorrane-r-f-silva/

#59 Homem não identificado

Trecho de matéria jornalística sobre o caso:

“Há suspeita de que ele possa ter sofrido um infarto, em decorrência do uso de drogas, mas as causas e as circunstâncias estão sendo apuradas”

https://maringa.odiario.com/maringa/2018/10/homem-e-encontrado-morto-em-quarto-de-motel-no-jd-tabaete/2522667/

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/10/09/nao-identificado-36-anos/

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, 317º caso de “crime homofóbico” no país em 2018.

#60 Rafael de Oliveira (Carol Machado)

RAFAEL DE OLIVEIRA

Trechos de matérias jornalísticas sobre o caso:

“Membros da Polícia Civil, durante toda esta quinta-feira (18), estão investigando as motivações do fato que resultou na morte do transexual Rafael de Oliveira, de 27 anos, que utilizava o nome social de Carol Machado.”

“Em contato com o delegado Gustavo Altemar, responsável pelo caso, a Polícia Civil realiza a investigação e ainda não tem condições de afirmar ou descartar qualquer motivação do crime. Com relação à causa da morte, o delegado disse que aguarda a chegada do laudo cadavérico, o que pode ocorrer na semana que vem.”

Mas o GRUPO GAY DA BAHIA já “desvendou” o caso. Para Luiz Mott e seus amigos trata-se de crime motivado por ódio LGBTfóbico, e ponto final.

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/10/18/331-carol-machado-27-anos/
http://tudosobrexanxere.com.br/index.php/desc_noticias/policia_civil_investiga_morte_de_moradora_de_xanxere

#61 Abya Passos

FLÁVIO JUNIOR DE BARROS PEREIRA

Trecho de matéria jornalística sobre o caso:

“De acordo com a Polícia Civil, Abya Passos namorava o suspeito do crime. A suspeita é de que o adolescente tenha matado a vítima por ciúmes.”

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/09/15/abya-passos-mantovanny-34-anos/

https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/noticia/2018/09/18/travesti-e-morta-a-facadas-dentro-de-boate-em-mt-e-suspeito-e-o-namorado-diz-policia.ghtml

#62 Natasha

Trecho de matéria jornalística sobre o caso:

“Uma travesti, ainda não identificada, foi encontrada morta no quarto da “república” onde morava, em Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital. Segundo a Polícia Civil, o corpo estava sobre a cama e não apresentava nenhum sinal de violência. Apesar disso, a corporação aguarda o laudo cadavérico para saber se será necessário instaurar inquérito sobre o caso.”

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, 300º caso de “crime homofóbico” no país em 2018.

https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2018/09/09/travesti-e-encontrada-morta-em-cima-de-cama-em-aparecida-de-goiania.ghtml
https://diaonline.r7.com/2018/09/08/travesti-e-encontrada-morta-dentro-de-casa-em-aparecida-de-goiania/
https://homofobiamata.wordpress.com/2018/09/08/300-natasha/

#63 Rafael de Sena Santiago

RAFAEL DE SENA SANTIAGO

Trecho de matéria jornalística sobre o caso:

“A vítima foi Rafael de Sena Santiago, que adotava o nome de Rafaela, de 33 anos. Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do homicídio, que é investigado pela Polícia Civil da cidade.

A suspeita inicial, com base em informações colhidas pela polícia junto a testemunhas, é de que o crime não tenha relação com homofobia, mas a polícia informou que ainda não descartou essa hipótese.”

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, 277º caso de “crime homofóbico” no país em 2018.

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/09/03/277-rafaela-de-sena/


#64 Eduarda Brasil

Luiz Henrique Franco Da Silva

Trechos de matéria jornalística sobre o caso:

“O caso foi registrado como “morte suspeita” e as primeiras informações levam a crer que a vítima tenha sofrido uma overdose.”

“Ainda conforme o registro, a vítima, que aparenta ter entre 20 e 30 anos, não possuía marcas de violência pelo corpo, teria apenas um ferimento no queixo e pequenas escoriações pelo braço e joellho, aparentando ser de queda.”

Para o GRUPO GAY DA BAHIA, um dos 337 casos de “crime homofóbico” no país em 2018 até o momento.

https://homofobiamata.wordpress.com/2018/02/19/eduarda-brasil-21-anos-a-esclarecer-sp-araras/
https://grupoopiniao.com.br/travesti-e-encontrada-morta-no-belvedere-em-araras/

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s