Clique abaixo e siga o canal de Quem a homotransfobia não matou hoje? no Telegram t.me/naomatouhoje

Um deputado do Sosialistisk Venstreparti, representante da extrema-esquerda norueguesa, indicou o movimento racista Black Lives Matter como um dos candidatos a receber o Prêmio Nobel da Paz.

O Black Lives Matter é um movimento supremacista negro famoso por vandalizar estátuas de heróis nacionais, por incendiar prédios públicos, por tacar coquetel molotov dentro de lojas, por cometer saques em supermercados, e por enfiar a porrada em pessoas brancas que se neguem a ajoelhar perante pessoas negras ou a berrar em público que vidas negras importam.

O Black Lives Matter também se notabilizou por transformar criminosos mortos em confronto com a polícia em mártires da luta contra o racismo: alguns criminosos que ficaram famosos internacionalmente graças à publicidade dada pelo Black Lives Matter foram a traficante Breonna Taylor e o assaltante George Floyd, ambos mortos em função de resistência à ação policial (ouça o episódio do podcast Saindo da Bolha sobre os “mártires” escolhidos pelo movimento supremacista negro).

Nos vídeos abaixo, você pode observar alguns exemplos do pacifismo que pode levar os líderes racistas do movimento a serem premiados em Oslo.







Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s